O leite materno tem o que é necessário para manter o bebê saudável e permitir que ele se desenvolva bem. Só que nem todas as mães conseguem amamentar os seus filhos. Isso pode acontecer por causa de alguns problemas. São nessas situações que elas devem recorrer a quem pode fazer a doação de leite materno. A solidariedade, mais uma vez, salva vidas.

Combate à Mortalidade Infantil

A desnutrição é uma das causas da mortalidade infantil, e a doação de leite materno ajuda a combatê-la.

A desnutrição é uma das causas da mortalidade infantil, e a doação de leite materno ajuda a combatê-la.

Sabe-se que os índices da desnutrição infantil aguda (crianças que são magras para a altura que têm) entre crianças de zero a cinco anos abaixaram 90% nos últimos trinta anos.

Nos casos de desnutrição infantil crônica (crianças que são baixas para a idade que têm), a diminuição foi de 70%.

Segundo a Pastoral da Criança, há pontos imprescindíveis para esse quadro melhorar:

  • desenvolvimento da escolaridade e melhorias na educação das mães;
  • melhorias nas condições de saneamento básico;
  • aumento de renda das famílias;
  • investimentos na prevenção de doenças.

Essas alterações foram primordiais para reduzir a desnutrição infantil no país.

E analisando cada um dos itens, sem ignorar os cuidados da mãe durante a gestação, o período de amamentação é essencial para a prevenção de doenças no início da vida do ser humano.

A equipe do Médicos Sem Fronteiras diz que até os seis meses é uma idade crítica para a desnutrição.

E tem outra questão a ser considerada:

É somente após estes seis meses que a mãe deve incluir outros alimentos às refeições da criança.

Porém, o leite materno deve ser consumido por um período maior que dois anos.

Doação de Leite Materno: Quem Quer? Quem Precisa?

Conheça quem precisa da doação de leite materno

Conheça quem precisa da doação de leite materno

Nem todas as mães podem dar leite materno para o filho recém-nascido, porque muitas vezes ele nasceu prematuramente ou, então, por conta de algum problema com a mãe ou o bebê.

Veja alguns casos:

  • Mães portadoras do vírus HIV — Não podem amamentar.
  • Mães usuárias de drogas — não podem amamentar;
  • Mães que estejam em tratamento de quimio ou radioterapia contra o câncer — não podem amamentar;
  • Mães que fazem uso de medicamentos que prejudiquem o bebê — não podem amamentar;
  • Mães que estejam na primeira semana de tratamento da tuberculose — não podem amamentar;
  • Mães com hepatite — devem evitar a amamentação;
  • Mães com silicone no peito — só com autorização médica;
  • Mães que fizeram redução mamária — só com autorização médica;
  • Mães com tuberculose — podem amamentar desde que estejam tomando medicação adequada para tratar a doença.

Sem Substituto

Não há alimento mais importante para o início da vida que o leite materno. E não há nenhum substituto.

Ainda não foi possível reproduzir em laboratório uma composição com os vários itens naturalmente presentes no leite materno.

Por isso, como dissemos, é tão importante amamentar o filho por um período maior que dois anos de vida — mesmo que depois de seis meses adicione ao leite materno outros alimentos. Essa é a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS).

E de que o leite materno protege?

Leite do Seio

Se falta leite materno para uma, a doação de outras mães com excesso de leite pode contribuir diretamente para evitar a mortalidade infantil.

Se falta leite materno para uma, a doação de outras mães com excesso de leite pode contribuir diretamente para evitar a mortalidade infantil.

Segundo a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), responsável pela Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano (que gerencia os bancos responsáveis por coletar e receber a doação de leite materno em todo o país), nenhum outro alimento oferta as características imunológicas do leite materno.

O leite materno possui proteínas, água, vitaminas, açúcar e gordura. Anticorpos presentes neste leite também ajudam a proteger o bebê de males como:

  • alergia;
  • bronquiolite;
  • diarreia;
  • meningite;
  • otite (infecção no ouvido);
  • pneumonia;
  • vômito.

Quem Pode Fazer a Doação de Leite Materno

 

A mãe pode apenas fazer doação de leite materno excedente.

Além disso, a doação de leite materno deve atender a alguns critérios:

  • A doadora deve estar amamentando exclusivamente seu bebê;
  • A doadora não pode ser portadora de nenhuma doença;
  • A mãe que quer fazer a doação de leite materno não pode estar tomando nenhum medicamento de uso controlado.

Doação de Leite Materno no Brasil

A Rede Brasileira de Banco de Leite Humano é a maior do mundo

A Rede Brasileira de Banco de Leite Humano é a maior do mundo

Por ano, mais de 175 mil recém-nascidos dependem que alguém sem ser sua própria mãe possa fazer a doação de leite materno a eles.

Assim, foi formada a Rede Brasileira de Banco de Leite Humano, hoje, a maior rede de doação de leite materno do mundo, conforme diz a OMS.

Isso representa anualmente a coleta em torno de 160 mil litros de leite materno destinados à doação por ano em nosso país.

Mas nem tudo é bom no Brasil. Falhas no processo de doação de leite materno fazem perder 30% do material. Por isso, é tão importante saber como coletar a doação de leite materno e seguir corretamente o passo-a-passo.

Como Coletar a Doação de Leite Materno

E a coleta e o armazenamento do leite, como funcionam? Entenda como guardar o leite materno para a doação.

E a coleta e o armazenamento do leite, como funcionam? Entenda como guardar o leite materno para a doação.

Existem dois procedimentos para a doação de leite materno:

Captação Interna para a Doação de Leite Materno

É feita dentro dos bancos de leite.

  1. A doadora se dirige à unidade de doação de leite materno mais próximo;
  2. Sob a orientação de profissionais do local, ela retira o leite (o utensílio de coleta já deve estar esterilizado);
  3. O material é identificado e armazenado no freezer.

Toda a manipulação é feita dentro da sala, com os profissionais utilizando touca, máscara e luva descartável, para não haver contaminação.

O leite materno permanece no banco, sob diversos cuidados, até que seja feita a doação para algum recém-nascido que precise.

Captação Externa para a Doação de Leite Materno

Em casa ou em outro ambiente, a orientação é que, para a doação de leite materno, a mãe utilize um recipiente limpo na coleta.

  1. A doadora deve escolher um frasco de vidro com tampa de plástico;
  2. Retirar o rótulo e lavar a embalagem com água e sabão;
  3. Depois, colocar no fogo uma panela com o frasco e a tampa cobertos de água;
  4. Após ferver, contar quinze minutos e escorrer a água, deixando o recipiente secar em um pano limpo (sem enxugar);
  5. Quando o utensílio estiver seco, a doadora deve cobrir todo o cabelo e colocar uma máscara;
  6. Ela também tem de lavar as mãos e os antebraços e secá-los com uma toalha limpa;
  7. Assim, a doadora de leite materno pode realizar a coleta;
  8. Em seguida, ela tem de identificar o material com o nome dela, idade gestacional, origem e a data da primeira ordenha (o leite tem validade de quinze dias);
  9. O recipiente deve ser colocado no freezer ou no congelador;
  10. O procedimento é repetido até que o leite fique a dois dedos do topo do frasco (o leite novo pode ser colocado acima do congelado);
  11. Agora, é só juntar os frascos e fazer a doação de leite materno para o banco escolhido.

Bancos de Doação de Leite Materno: Veja Onde Doar

 

Conheça alguns endereços de bancos de leite e locais para coleta de doação de leite materno pelo Brasil:

  • Belém/PA | Rua Oliveira Belo, 395 — Umarizal, tels.: (91) 4009-2318/0800 727 2057;
  • Belo Horizonte/MG | Avenida do Contorno, 9.494 — Prado, tel.: (31) 3337-5678;
  • Brasília/DF | SGAN 604, Avenida L2 Norte, tel.: (61) 2028-5585;
  • Campo Grande/MS | Avenida Senador Filinto Muller, 355 — Campus Universitário — Vila Ipiranga, tel.: (67) 3345-3027;
  • Cuiabá/MT | Rua Treze de Julho, 2.101, 2º andar — Centro, tel.: (65) 3363-7035;
  • Curitiba/PR | Rua General Carneiro, 181, 4º andar — Centro, tel.: (41) 3360-1867;
  • Florianópolis/SC | Rua Rui Barbosa, 152 — Agronômica, tel.: (48) 3251-9141;
  • Fortaleza/CE | Avenida Imperador, 545 — Centro, tels.: (85) 3101-5367/0800 28 65 678;
  • Goiânia/GO | Rua R-7, s/n — Setor Oeste/Coimbra, tel.: (62) 3956-2921;
  • Joinville/SC | Rua Miguel Couto, 44 — Anita Garibaldi, tel.: (47) 3461-5704;
  • Manaus/AM | Alameda Cosme Ferreira, s/n — São José, tel.: (92) 3647-4234;
  • Porto Alegre/RS | Rua Professor Annes Dias, 295 — Centro, tel.: (51) 3214-8284;
  • Recife/PE | Rua dos Coelhos, 300 — Boa Vista, tel.: (81) 2122-4719;
  • Ribeirão Preto/SP | Avenida Santa Luzia, 387 — Jardim Sumaré, tel.: (16) 3610-8686;
  • Rio de Janeiro/RJ | Avenida Rui Barbosa, 716, térreo — Flamengo, tels.: (21) 2554-1703/0800 02 68 877;
  • Salvador/BA | Rua Teixeira de Barros, 72 — Brotas, tel.: (71) 3116-5118;
  • São Paulo/SP | Avenida Celso Garcia, 2.477 — Belenzinho, tel.: (11) 2292-4188;
  • Taguatinga/DF | Setor C, Área Especial Norte, 24 — Taguatinga Norte, tel.: (61) 3353-1122;
  • Vitória/ES | Avenida Marechal Campos, 1.355 — Maruípe/Santos Dumont, tel.: (27) 3335-7377.
Categorias: DoaçãoSaúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Doação

Harmonia e Solidariedade: Saiba como fazer a doação de instrumentos musicais usados

Bote pra tocar aquela música na sua playlist. Aquela mesma que sempre quando toca no rádio te faz lembrar de um momento bom da sua vida. Não importa se fez sucesso na década de 60 Leia mais…

Doação

O filho cresceu e a roupa encolheu. O que fazer? Veja tudo sobre doação de roupa de bebê

A mãe, de tão coruja, quer guardar todas as recordações dos anos iniciais do filho. Uma foto (mais tarde, constrangedora) da criança tomando banho, um vídeo gravado da primeira vez que ele andou, uma almofadinha Leia mais…

Doação

Transplantar Esperança: Tudo o que você precisa saber sobre como Doar um Rim em Vida

Compartilhar algo que você tem em dobro com alguém que você ame. Não, este não é um texto de romance. Embora uma frase dessa encaixaria perfeitamente para definir a situação de um casal apaixonado. Só Leia mais…